Top de corrida: como escolher o top perfeito

Top de corrida: como escolher o top perfeito

Nós mulheres sabemos que a escolha do top de corrida, assim como escolher o tênis perfeito correr, também influencia nosso desempenho e conforto na hora do treino ou da prova. Isso porque os seios tendem a balançar e se movimentarem para todos os lados durante a prática do exercício. Mas como escolher o top de corrida certo? Só a beleza importa?

Para mim que tenho seios menores, posso usar algo mais simples, mas ainda sofro com os tops que ficam largos nas minhas costas e assam minha pele que é fina ou que ficam muito apertados no tórax e atrapalham minha respiração (difícil encontrar um meio termo para quem tem seio pequeno!). Já a Carol que tem seios maiores, tem que ser algo com mais sustentação. Ela, por exemplo, usa dois para sentir mais firmeza e conforto.

Alguns fatores são de fundamental importância na hora da escolha.

Para começar, o tecido deve ser leve e agradável ao toque, já que o tecido dos seios e dos mamilos são muito sensíveis. Também devem facilitar a transpiração.

Ele também deve ter uma boa compressão e sustentação, mas nada que seja desconfortável e que fique justo demais. É importante prová-lo na loja para ver se tanto no busto quanto na circunferência torácica. Se ele ficar largo pode causar assaduras. E se ficar muito justo pode ficar muito desconfortável e atrapalhar a respiração. Então pule, corra, se mexa no provador, não tenha vergonha!

As alças do top de corrida não devem ser muito finas. Segundo estudos, os tops com alças em X ou estilo nadador (nas costas) tentem a distribuir melhor o peso e a pressão sobre os ombros e as costas.

Veja se etiquetas e costuras do seu top de corrida não irão lhe incomodar. Etiquetas são retiráveis, mas costuras são mais complicadas.

Fique atenta! Isso porque usar o top errado pode gerar dores nas costas, tencionar os ombros, dores nos seios e assaduras. Além de não fornecer a sustentação adequada o que pode dar dores na coluna. Isso pode tirar o seu prazer na hora de praticar a corrida e outros exercícios!

Fernanda Lüttke

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *