Projeto De Braços Abertos encerra temporada retornando ao Vidigal, no Rio

Projeto De Braços Abertos

Com a união de corrida e solidariedade, Projeto De Braços Abertos encerra temporada com prova neste domingo dia 10 de dezembro.

Projeto De Braços Abertos

Já habitual no Rio de Janeiro, o evento consiste em corridas de 5 e 6 km de distância dentro das comunidades. Ao todo já foram realizadas 24 edições do projeto, que funciona desde 2012 e costuma atrair cerca de 1.500 atletas (amadores e profissionais) de todas as idades.

Neste ano, o Projeto De Braços Abertos já passou por Vidigal, Rocinha, Borel e Santa Marta.

Etapa Vidigal

Pela segunda vez em 2017 a comunidade do Vidigal irá sediar uma etapa do Projeto De Braços Abertos. A última etapa de 2017 acontece no dia 10 de dezembro, com largada às 8h30, em frente ao colégio Stella Maris.

A princípio estava prevista uma edição no Caju, bairro da Zona Portuária do Rio de Janeiro porém, por motivos de segurança que transcendem a organização da prova, foi cancelada. Agora volta ao local da primeira etapa do ano para encerrar uma temporada de sucesso.

Com a procura sempre muito alta, as inscrições já estão esgotadas.

Projeto De Braços Abertos

Retirada do kit

A retirada dos kits de corrida será no mesmo dia e local da prova, das 6h às 8h, no pátio do colégio Stella Maris. É obrigatória a apresentação de documento de identificação e doação de 2kg de alimentos não perecíveis.

Solidariedade e corrida

O projeto é gratuito e visa a integração e a inclusão social, conectando diferentes públicos através do esporte e do lazer. A Minicorrida, com percursos que variam de 50m a 1km, dependendo da idade da criança (1 a 13 anos), começa às 10h15 e promete ser um divertido e orgulhoso atrativo ao público.

A equipe de staff – composta por moradores de comunidades – passou por dois dias de capacitação profissional e as inscrições para as vagas de trabalho foram feitas mediante apresentação de comprovante residencial. Além das corridas e da capacitação profissional, o evento conta também com um acirrado concurso de fotografia e uma oficina de grafite, com suporte técnico do profissional Marcelo Lamarca.

Com patrocínio da Caixa Econômica e Governo Federal e parceria das UPPs (Unidade de Polícia Pacificadora), o De Braços Abertos é o maior projeto de integração social nas comunidades do Rio de Janeiro e é realizado desde 2012. O evento é totalmente gratuito e consiste em uma corrida com 5 ou 6 km de distância, reunindo cerca de 1.500 pessoas em cada etapa. Há também a mini corrida, que varia de 50 m a 1 km, para crianças a partir de um ano de idade. Ao todo já foram realizadas 24 edições em áreas como Jacarezinho, Manguinhos, Vidigal, Rocinha, Borel, Caju e Santa Marta.

O projeto já doou mais de 25 toneladas de alimentos às próprias comunidades. Cada atleta inscrito precisa, obrigatoriamente, ceder 2 kg de algum produto alimentício. Os primeiros corredores da categoria comunidade, masculino e feminino, a cruzarem a linha de chegada ganham equipamento e assessoria esportiva, como parte do programa “Adote um Atleta”, patrocinado pela Mizuno.

O Projeto De Braços Abertos conta também com ações que visam descobrir outros talentos das comunidades, como o “Fotografe esta Ideia” e o “Grafite Seu Esporte”.

Projeto De Braços Abertos

Deixe uma resposta

um × 4 =