• 10 km
  • Night Run do Costão do Santinho 2017: haja pernas!

    IMG_20170128_195856038menor
    Nada melhor que começar o ano com o pé na areia da praia, né? Eu, particularmente adoro! E se for correndo na areia? Foi assim, novamente, com a Night Run do Costão do Santinho 2017. A prova reúne os amantes da corrida de rua num cenário paradisíaco para ninguém botar defeito. Saí de Joinville na tarde de sábado com a Amanda e o João Paulo – que fez a sua primeira prova oficial (uhull). Chegamos na Ilha da Magia, encontramos a Carol e o Gerson e partimos rumo à praia do Santinho, onde encontramos um batalhão de gente que ia correr também.

    Night Run do Costão do Santinho 2017

    Ao contrário do ano passado, neste ano a chuva não tirou o brilho dessa bela prova. Caiu uma garoa fina e teve ventinho frio, mas nada que atrapalhasse quem ama correr. Como em 2016 a organização foi impecável. Haviam vários banheiros químicos, praça de food trucks, e vários apoiadores.

    A corrida

    A largada foi feita pontualmente às 21 horas com direito a um belo show de fogos de artifício. Os atletas fizeram um breve aquecimento antes, todos com suas lanternas de cabeça ligadas e pernas para que te quero! O começo do percurso é tranquilo, à beira mar. Mas depois vêm as dunas. Nossa, vou dizer pra você que não é nada fácil! Nessa hora se separavam os corredores de 5 e 10 k que fizeram percurso único. E as dunas seguiam castigando as pernas dos atletas. Depois, quem fez 10 km, como eu, foi para a praia dos Ingleses. Havia até torcida! Era uma parte mais iluminada por postes, tudo muito lindo. Depois de correr a praia inteira e voltar era hora de enfrentar mais dunas. Naquele breu, as lanternas de cabeça eram as únicas coisas que iluminavam o caminho. Era lindo e desafiador ao mesmo tempo! Na areia fofa a gente corria e corria e não saia do lugar. E haja pernas! Depois voltamos à praia do Costão do Santinho e fomos recebidos com muita festa, com direito a um belo holograma de corredores no fim da praia. Lindo!

    Pontos fortes

    – Ao contrário do ano passado quando vários corredores bem mal educados levavam os produtos ofertados pelos apoiadores aos montes deixando outros corredores de mãos vazias, neste ano a organização seguiu o conselho da Carol e distribuiu vales. – Com isso todos os corredores conseguiram pegar os produtos ofertados, que estavam ótimos. Teve açaí, água de coco, limonada, barra de cereal, Polenguinho, entre outros. – O kit da prova é lindo, a organização é super bem feira, o percurso é desafiador e belo ao mesmo tempo. – Água geladinha e percurso bem sinalizado também são pontos a serem destacados.

    Pontos a melhorar

    – Apenas um apoiador não levou produtos suficientes para distribuir aos atletas. Uma peninha…