Jaraguá 10k: recomeçar é preciso!

Jaraguá 10k

Recomeçar faz parte da vida. Sim, e eu estou recomeçando, por isso algumas coisas acabam mudando, e isso inclui meu tempo para treinos.

Meus treinos estão sendo deixados para depois. Principalmente os do meio de semana. Afinal estou a pé e tudo demora o dobro, triplo de tempo quando você precisa se deslocar a pé ou de ônibus.

Mas a corrida não saiu da minha vida. Por isso neste sábado, dia 1o de julho e fui para Jaraguá do Sul correr.

Contei com a ajuda da Ana Carolina, colega de 42k Assessoria Esportiva (que está comemorando 11 anos). Fui e voltei de carona com ela e com nosso treinador Juliano Pereira.

O clima frio dificultou a saída da cama, né? Mas como tinha pedido a carona que foi prontamente respondida, não poderia deixar ela esperando. Viemos para Jaraguá do Sul – cidade onde trabalho diariamente – e logo que chegamos encontramos mais atletas que, como nós, acordaram cedo no domingo para correr e se divertir.

Pegamos nossos kits e fomos nos arrumar para correr. O pessoal da SC 10k estava todo lá e também nosso querido amigo Fabrício Locutor.

Minutos antes da nossa largada foi a vez do pessoal do Pernas Solidárias pegar a pista. Ô povo lindo, inspirador!

E depois seguimos nós. Como fazia muito tempo que não corria, enfrentei 5 km. E peguei leve comigo mesma. Fui num ritmo confortável. Tentei acompanhar a Ana, inclusive. Mas isso foi só até metade da prova.

Era bastante gente, o clima estava perfeito para correr – para ficar parado, confesso, estava fresco demais pro meu gosto.

Sempre é muito gostoso, e desafiador, correr em Jaraguá. Algumas pontes, subidas, enfim. Eu sou muito suspeita para falar, já que aprendi a amar essa cidade para onde venho todos os dias trabalhar.

O posto de hidratação no topo da subida mais difícil da prova é um alento e um incentivo para subir mais rápido.

A prova ainda contou com uma alteração no percurso que já é tradicional – a largada mudou de direção para que a distância, que antes não completava 10 km, agora chegasse à distância.

E para a chegada, aquele incentivo do nosso amigo Fabrício Smangorzewski.

Depois disso ainda pudemos aproveitar a área VIP da Caixa Econômica, com massagem e comidinhas gostosas. Importante ressaltar que o povo que não tinha a fitinha para a área VIP também contou com massagem – super bem-vinda no pós prova, né?

Fotos da prova

Para quem participou, já estão disponíveis no site do Foco Radical as fotos da prova.

Pontos Positivos

Enterga do kit sempre super organizado, mesmo para quem é de outras cidades e pega no dia, como foi o nosso caso.

Água gelada, frutas frescas, o pós prova é sempre muito bom!

Os pontos de hidratação também super bem posicionados. Com aquela água fresca e simpatia que amamos!

Ah, também haviam vários lixeiros espalhados para que os atletas pudessem dispensar os copos vazios em locais apropriados.

Segurança: vários ciclistas e todo o staff sempre preocupados com a segurança dos atletas, amo as provas da SC 10k por isso!

Pontos a melhorar

Aqui, como já falamos, não é questão da organização, mas das empresas. Povo, vamos incentivar as provas de corrida de rua, incentivar, apoiar, patrocinar. É super bem-vindo!

Deixe uma resposta

vinte + vinte =